Física

1 – (UFJF-2008) Um carro vai de Juiz de Fora a Belo Horizonte. No caminho, após percorrer os primeiros 120 km até Barbacena em uma hora e meia, ele para por 30 minutos. Segue, então, até Belo Horizonte, demorando mais de 2 horas, numa velocidade média de 80 km/h.

A velocidade média no percurso total do carro foi:

a) 60 km/h

b) 70 km/h

c) 80 km/h

d) 90 km/h

e) 120 km/h

70km resposta.

2 – (CEFET-MG-2008) Duas esferas A e B movem-se ao longo de uma linha reta, com velocidades constantes e iguais a 4 cm/s e 2 cm/s. A figura mostra suas posições num dado instante.

A posição, em cm, em que A alcança B é

a) 4.

b) 8.

c) 11.

d) 12.

11 resposta.

2 – (CEFET-MG-2008) Duas esferas A e B movem-se ao longo de uma linha reta, com velocidades constantes e iguais a 4 cm/s e 2 cm/s. A figura mostra suas posições num dado instante.

A posição, em cm, em que A alcança B é

a) 4.

b) 8.

c) 11.

d) 12.

a resposta.

4 – (UFMG-2007) Dois barcos – I e II – movem-se, em um lago, com velocidade constante, de mesmo módulo, como representado nesta figura:

Em relação à água, a direção do movimento do barco I é perpendicular à do barco II e as linhas tracejadas indicam o sentido do deslocamento dos barcos.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que a velocidade do barco II, medida por uma pessoa que está no barco I, é mais bem representada pelo vetor

a) P.

b) Q.

c) R.

d) S.

C resposta.

5 – (UFMG-2008) Quando, em uma região plana e distante de obstáculos, se ouve o som de um avião voando, parece que esse som vem de uma direção diferente daquela em que, no mesmo instante, se enxerga o avião.

Considerando-se essa situação, é CORRETO afirmar que isso ocorre porque

a) a velocidade do avião é maior que a velocidade do som no ar.

b) a velocidade do avião é menor que a velocidade do som no ar.

c) a velocidade do som é menor que a velocidade da luz no ar.

d) o som é uma onde longitudinal e a luz uma onda transversal.

c).resposta.

6 – (UFLA-2007) Um objeto move-se com velocidade constante e percorre 80 cm em 2 s. Um estudante, ao analisar o movimento, faz a razçao entre os números 2 e 80, obtendo o valor 0,025. A interpretação CORRETA desse valor é:

a) O objeto demora 1 s para percorrer 0,025 cm.

b) Esse valor representa a velocidade do objeto.

c) Esse valor representa a aceleração do objeto.

d) O objeto demora 0,025 s para percorrer 1 cm.

d).

7 – (UFMG-2008) Durante uma aula de Física, o professor Domingos Sávio faz, para seus alunos, a demonstração que se descreve a seguir.

Inicialmente, dois blocos – I e II – são colocados, um sobre o outro, no ponto P, no alto de uma rampa, como representado nesta figura:

Em seguida, solta-se o conjunto formando por esses dois blocos.

Despreze a resistência do ar e o atrito entre as superfícies envolvidas.

Assinale a alternativa cuja figura melhor representa a posição de cada um desses dois blocos, quando o bloco I estiver passando pelo ponto Q da rampa.

a)

b)

c)

d)

a).

8 – (CEFET-MG-2008) Um carro desloca com movimento retilíneo uniformemente variado em uma estrada plana, passando em um determinado ponto com velocidade de 15 m/s. Sabendo-se que ele gasta 5,0 segundos para percorrer os próximos 50 metros, sua velocidade no final do trecho, em m/s, é de

a) 5.

b) 10.

c) 15.

d) 20.

a).

9 – (UFSJ-2007) Uma bola é atirada para cima com velocidade inicial de 10 m/s. Considerando-se que a resistência do ar é desprezível e que o valor aproximado da aceleração da gravidade é igual a 10 m/s², os valores da altura máxima atingida pela bola e do tempo gasto para retornar ao ponto de partida são, respectivamente,

a) 5 m e 2 s.

b) 10 m e 2 s.

c) 10 m e 1 s.

d) 5 m e 1 s.

a).

 

10 – (CEFET-MG-2007) Em uma experiência feita na Lua, um astronauta deixou cair um objeto de uma ceta altura e, anotando valores da velocidade com o passar do tempo, construiu o seguinte gráfico.

A altura de onde o objeto foi abandonado, em metros, é igual a

a) 16.

b) 20.

c) 25.

d) 40.

e) 80.

b).

 

11 – (UFMG-2007) Uma caminhonete move-se, com aceleração constante, ao longo de uma estrada plana e reta, como representado nesta figura:

A seta indica o sentido da velocidade e o da aceleração dessa cominhonete.

Ao passar pelo ponto P, indicado na figura, em passageiro, na carroceria do veículo, lança uma bola para cima, verticalmente em relação a ele.
Despreze a resistência do ar.
Considere que, nas alternativas abaixo, a caminhonete está representada em dois instantes consecutivos.

Assinale a alternativa em que está mais bem representada a trajetória da bola vista por uma pessoa, parada, no acostamento da estrada.

a)

b)

c)

d)

b).

 

12 – (UFOP-2008) Um soldado lança uma granada que explode ainda no ar. Desprezando os efeitos de resistência do ar, podemos dizer que a trajetória da granada antes de explodir e a trajetória do centro de massa do sistema formado pelos estilhaços da granada após a explosão são, respectivamente:

a) uma parábola e uma reta vertical.

b) um arco de circunferência e uma reta vertical.

c) uma mesma parábola em ambos os casos.

d) uma parábola e uma hipérbole.

c).

 

13 – (UFLA-2009) Três corpos 1, 2 e 3 movem-se segundo um movimento retilíneo, e suas respectivas acelerações a1, a2 e a3, são mostradas no gráfico abaixo. Analisando-se esse gráfico, pode-se afirmar que as acelerações médias a1, a2 e a3 dos três corpos entre os instantes t = 0 e t = 6 s, é:

a) a3 > a2 > a1

b) a2 > a1 > a3

c) a1 > a3 > a2

d) a1 > a2 > a3

d).

 

14 – (Unimontes-2009) Um barco atravessa um rio de 50 m de largura, com velocidade máxima própria (imprimida apenas pelo motor do barco) de módulo …. A correnteza tem velocidade constante de módulo …. O barco sai do ponto A, numa margem, e chega ao ponto B, na outra (veja a figura).

O módulo do deslocamento AB do barco é

a) 37,5 m.

b) 62,5 m.

c) 53,5 m.

d) 26,5 m.

b).

 

15 – (UFV-2007) Uma roda gigante gira com velocidade angular … constante, levando três meninos A, B e C, que em um determinado instante, encontram-se nas posições ilustradas na figura abaixo.

Assinale a alternativa que representa CORRETAMENTE as direções e sentidos das forças resultantes que atuam, nesse instante, nos meninos A, B e C, respectivamente:

a)

b)

c)

d)

a).